CAMINHO DAS PEDRAS: A PRIMEIRA LIBERDADE

Sempre que pensamos em liberdade vem à mente aquela perceptível pelos nossos sentidos, a que é externa de nós, como a liberdade de movimentar-se, de expressar-se, etc., mas, nunca a maior das liberdades, aquela que existe além dos cinco sentidos, que só alguns indivíduos percebem, sobremaneira, se mergulharem para dentro de si, pelo autoconhecimento.

Ao longo dos séculos de civilização, muitos conceitos e alusões foram cunhados para explicar o que significa a realmente ser livre. Aqui, no ocidente, sobretudo, pela orientação religiosa judaica/cristã, conhecemos uma, bem popular: “… e a verdade vós libertareis”.

Nesta reflexão, destaco aquela (liberdade) que julgo ser a mais importante para o indivíduo, se trata de uma liberdade interior, aquela, que diz que nunca devemos nos deixar seduzir pelos próprios pensamentos. Pode até soar abstrato e demasiado ingênuo, mas, não é, basta uma breve reflexão para compreender.

Vamos pensar um pouco: quantas vezes fomos levados a atitudes extremadas por suposições, objeto de pensamentos, como se diz: “por mera imaginação”? — Criamos personagens e eventos que não são reais, mas, em dado momento os tratamos como se de fato fossem!

Ter liberdade de fato, é conseguir frear pensamentos, ou ao menos, validá-los antes de fazer escolhas, porque na maioria das vezes temos ideias e agimos de imediato, quando, na verdade, tais pensamentos não dizem respeito a fatos, são só frutos da nossa imaginação.

Por fim, ao fazermos escolhas é muito importante discernir sobre a validade dos próprios pensamentos, freá-los, controlá-los e descartá-los com muita frequência, porque talvez em algum momento da sua vida poderá ser tarde retroceder.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.